Se tem um movimento que ganhou força nos últimos anos, esse movimento é o feminismo. Graças a Deusa, estamos cada vez mais cientes do nosso lugar – que é onde a gente quiser – e dos nossos direitos. E temos sede de lutar por eles!

Tenho pesquisado muito sobre o assunto e quero realmente aprender mais, muito mais. Com isso, cheguei na parte em que quero não só ler blogs e revistas digitais, quero esse assunto dominando minha estante de livros e o espaço aqui em casa. E já que eu sou dessas que ama fazer listas de livros…

4 livros com muito Girl power pra ler em 2017

Eu sou Malala

Se você nunca ouviu falar sobre Malala, te dou carta branca pra fazer uma pausa na leitura por aqui e pesquisar um pouquinho mais sobre ela. Malala tornou-se famosa por lutar por seus direito à educação no Paquistão e por conta disso, quase morreu, após tomar um tiro a queima roupa no rosto. Tudo isso aos treze anos. E ainda assim não desistiu! É ou não uma menina/mulher incrível pra termos como exemplo?

P.s: Aos 16 anos, ganhou o Nobel da Paz. A indicada mais jovem da história! ♥

Livro eu sou malala
Imagem: Engeplus

Você já é feminista – Abra esse livro e descubra porquê

Esse eu descobri enquanto passeava pela Zuzu Mag, a revista digital maravilhosa de uma nova amiga que a internet trouxe.
Pelo o que a Josi conta lá na Zuzu, o livro é perfeito pra quem está querendo saber mais sobre o feminismo e não sabe muito bem por onde começar. Esse é exatamente o meu caso.
O livro foi lançado em 2016 e juntou 17 autoras pra falar sobre feminismo de forma clara e simplificada, desmistificando os tantos tabus que temos sobre o assunto.

Lá na Zuzu tem um post bem legal contando mais sobre o livro. 🙂

livro você já é feminista
imagem: Revista AzMina

Capitolina

Sabe aquelas revistas que você lia na adolescência, que vivia te impondo regras e faziam sua auto-estima ir ladeira abaixo? Então, hoje em dia, as meninas tem uma revista online, que vai na contramão de tudo isso. A ideia aqui é emponderar!

A Capitolina é uma revista online incrível, que conversa diretamente com adolescentes e trata, de forma leve, responsável e empoderadora, todos aqueles assuntos que temos necessidades de conversar quando estamos começando a entrar no mundo adulto.  O projeto é tão incrível, que saiu da internet e ganhou páginas lindas, com textos de mais de 70 meninas mulheres espalhadas por todo Brasil. É ou não é pra querer ter em casa?

Imagem: Who`s Thanny?

Histórias de ninar para garotas rebeldes

Lançado a poucos dias no Brasil, o livro Histórias de ninar para garotas rebeldes entrou rapidinho na lista de desejos de muitas minas maravilhosas. O livro – que é LINDO – conta a histórias de mulheres como: Frida Kahlo, Serena Wilians, Coco Chanel, Nina Simone, Jane Austen, Elisabeth I… São histórias de 100 mulheres incríveis, que meteram a cara no mundo e deixaram sua marca! Agora me diz, tem como não querer esse livro pra ontem? ♥

historias mulheres fortes
Imagem: Revista Castanã

Esses são só os primeiros da lista, que provavelmente vai crescer a cada leitura. ♥

Vocês conheciam algum desses livros? Já leram? Me contem aqui. E quem tiver indicações pra aumentar minha listinha, também é só mandar. Até podíamos ler juntas!

Author

Carioca, libriana e blogueira responsável pelo blog Tati Souza. Noiva do Thiago e mamãe do Fred #yorkshire. Amo praia, sol, natureza e não vivo sem esse contato. Moda, beleza e blogosfera são assuntos que adoro conversar, pra relaxar, praia, livros e reggae.

5 Comments

    • Eu tb quero tooodos! Me empolguei quando vi 3 deles na promoção da saraiva, mas era colada bino! 🙁 rs ( Rindo pra não chorar!)

  1. outro dia o google me sugeriu o Capitolina, e agora vejo vc falando desse livro aqui haha…acho que é um sinal pra lê-lo logo. Já vai pra lista de leituras de 2017. ^^

  2. fiquei interessada nesse “historia para ninar” – até por que tenho uma babys em casa né (a irma mais nova) e quero super incentivar uma leitura mais empoderadora. Claro que so vou usar como desculpa – que quem quer o livro sou eu – Encomendei o “coisas de menina” e acredita que eu gostei mais hahahah

    caosarrumado.com

Write A Comment

Pin It